Mulheres na Tecnologia. Como começar?

Essa é uma LEARNINGLIST de Cursos, Creators, Comunidades e Episódios de Podcast para auxiliar na sua Jornada de Aprendizado.

Curadoria

Silvia Coelho
Silvia Coelho@elasprogramam
Read More
Olá! Meu nome é Silvia Coelho, uma paraense de apenas 47 anos, mãe de dois, Mestra em Engenharia Elétrica e Fundadora da Elas Programam, que alcança mais de 50 mil mulheres, ajudando no início ou em transição de carreira para o mercado de Tecnologia.

Seja uma curadora

Sentiu falta de algum conteúdo? Quais informações facilitariam a sua jornada? Quer contribuir com a jornada de milhares de mulheres?

O que você vai encontrar aqui

Dicas para Mulheres começarem na Tecnologia

Quer criar a sua própria trilha?
Entre em contato pelo e-mail.

Empregos Jr.

Cursos

Creators

FAQ

Não precisa! Os conteúdos dessa trilha são todos em português.

Em geral, é claro que o inglês é mais uma ferramenta e vai colocar em contato com muito mais conteúdos e oportunidades — principalmente de emprego.

Não deixe de começar por não saber inglês! Você pode estudar com o tempo, conforme progride na área.

Essa trilha é um bom começo.

Você também pode começar pela lógica de programação.

Mas você deve começar pelo que estiver acessível e for mais fácil para você, seus objetivos e circunstâncias.

Cada um tem o seu próprio ritmo, origem e destino.

Se você está começando, o mais importante é explorar para conhecer o setor! Experimentar de tudo que puder, conhecer pessoas e possibilidades, como dito nas dicas.

Se você tem um grupo ou alguém próximo que possa te ensinar Python, é melhor do que começar em React completamente sozinha. Mentores e Sistemas de Apoio são determinantes.

O que você gostaria de fazer? O que te interessa?

  • Aplicações web? Java, PHP, Python, JavaScript, Swift, Kotlin, TypeScript, Ruby
  • Jogos? C++, Java, HTML5, CSS3, JavaScript, SQL
  • Mobile? Python, Swift, JavaScript, Rust, Ruby, GoLang/Go, Java, C++, PHP, SQL, C#, Objective-C, Kotlin, HTML5
  • Data Science? Python, R, SQL, Scala, Julia, Javascript, Java, C/C++, MATLAB
  • Machine Learning? Python, C/C++, R, JavaScript, Java, Julia, Lisp
  • IoT? C, Java, Python, JavaScript
  • Cloud Computing? Java, PHP, NET, Python, Scala, Go
Sim, é possível! Mas qualquer aprendizado, ou uma transição de carreira, é bem melhor e mais fácil quando você tem alguém para te mostrar o caminho das pedras.
 
Como dito nas dicas, um grupo de apoio, uma mentoria, pode definir a sua experiência, oportunidades e aprendizado.
Aprender nunca é ruim. Mas essa é uma escolha pessoal, de acordo com os seus objetivos, circunstâncias, disponibilidade de tempo e dinheiro (mesmo fazendo uma graduação gratuita).
 
Ótimos profissionais são declaradamente autodidatas.
 

Os cursos mais comuns são Engenharia da Computação, Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Análise e Desenvolvimento de Sistemas e Gestão em T.I.

Segundo a Thoughtworks, uma consultoria global de software, em pesquisa realizada entre novembro de 2018 e março de 2019, as mulheres atuam 31,7% dos cargos dentre os profissionais da TI. Em 64,9% dos casos, as mulheres representam no máximo 20% das equipes de trabalho em tecnologia. Os principais cargos e áreas ocupados pelas mulheres nas equipes de tecnologia são: desenvolvedora, analista, gerência, project, tester e design.

Link para a pesquisa completa.

Ada Lovelace, Katherine Johnson, Annie Easley, Hedy Lamarr, Mary Wilkes, Adele Goldberg, Grace Hopper, Carol Shaw, Frances Allen, Roberta Williams, Kathleen McNulty, Betty Jean Jennings, Frances Bilas, Elizabeth Snyder Holberton, Marlyn Wescoff e Ruth Lichterman, entre outros nomes apagados pela história.

Outras mulheres incríveis da história, como Nicole-Reine Lepautre, uma matemática e astrônoma francesa que previu o retorno do cometa Halley, Maria Mitchell, a primeira cientista americana a descobrir um cometa, Anna Winlock que estava envolvida na produção de dados astronômicos em Harvard e Henrietta Swan Leavitt, que ajudou a explicar a expansão do universo.